Como escolher o tamanho ideal de prótese de silicone para o seu tipo de corpo

6 minutos para ler

É importante que as mulheres saibam como escolher a prótese de silicone, já que algumas exageram no tamanho e acabam conquistando um visual demasiadamente chamativo e artificial, não é mesmo? Além disso, extrapolar nas dimensões da prótese pode trazer vários outros problemas estéticos às siliconadas, incluindo o surgimento de estrias e flacidez.

Para evitar que isso aconteça com você e ajudar a garantir que as mamas fiquem bonitas, simétricas e proporcionais, é necessário escolher o tamanho de prótese adequado para seu tipo de corpo.

Preparamos este conteúdo para que você possa encontrar algumas boas dicas para acertar na escolha e no tipo de sua prótese. Confira!

Considere seus desejos pessoais

Por mais que o médico sugira um tamanho de prótese e fundamente essa sugestão, os seus desejos pessoais também devem ser considerados na hora de definir a quantidade de silicone a ser colocada. Se você sonha com um decote generoso, converse com o cirurgião para encontrar um ponto de equilíbrio, de modo que o tamanho da prótese satisfaça o seu desejo, ao mesmo tempo em que o seu biótipo é respeitado.

Busque a opinião do profissional

A avaliação e opinião médica é fundamental para proporcionar um resultado mais natural às próteses, caso não seja expectativa da paciente ter seios que chamem muita atenção. Além disso, ouvir o conselho do médico vai possibilitar que esclareça suas dúvidas, além de evitar que prejudique a saúde ao colocar um silicone com volume em excesso.

O direcionamento do profissional também vai contribuir para a melhor escolha, já que existem diversos tipos de modelos e marcas de próteses disponíveis no mercado, o que é essencial para um melhor resultado.

Entenda que o próprio corpo impõe limites ao tamanho da prótese

Se o seio é muito pequeno, é mais difícil que ele vire um 46 ou 48 sem transtornos. A própria pele da região mamária limita o tamanho das próteses a serem implantadas e, quando há pouco espaço para o implante, as chances de a cirurgia dar errado são maiores.

Nesse caso, a prótese corre o risco de entrar com dobras, ficar com o formato artificial, além de causar desconfortos. Próteses exageradas causam, também, problemas de coluna e estrias por conta do estiramento abrupto da pele.

Ao fazer o exame do porte físico, o médico cirurgião dará atenção a alguns detalhes em especial para estipular a prótese mais adequada. É muito importante respeitar essa avaliação. Entre os critérios avaliados, estão:

  • altura da paciente;
  • tamanho das mamas atuais;
  • espessura da pele;
  • largura do tórax;
  • limitações físicas e demais.

Tenha bom senso

Por mais que a moda dite que seios fartos são tendência, o tamanho da prótese ser definido com bom senso é fundamental, respeitando as proporções do corpo da implantada, a idade de quem vai operar, além da harmonia estética e segurança do procedimento.

É preciso lembrar, também, que colocar silicone não é como ter um sutiã com enchimento, ou seja, você vai conviver com a mudança de forma duradoura e deve escolher um tamanho com o qual se adapte bem e se sinta confortável.

Observe a simetria dos seios

Quem tem seios assimétricos, ou seja, de tamanhos diferentes, pode sentir um certo incômodo quanto a isso, mesmo sendo uma característica comum em várias mulheres.

Para evitar esse desconforto, caso a diferença seja grande, colocar a prótese mamária do tamanho adequado para cada seio pode ser uma solução. Outra opção é reduzir a mama maior por meio da mamoplastia de redução e, depois que as duas estiverem do mesmo volume, poderão receber a prótese de silicone.

Tenha em mente que você ficará com a prótese por muito tempo

Um outro ponto que deve pesar no momento de entender como escolher prótese de silicone é ter total compreensão de que você ficará com ela por muitos anos. Por esse motivo, reflita sobre algumas situações, por exemplo:

  • Daqui 10, 15 anos ou mais, ainda vou gostar desse visual?
  • O tamanho das mamas vai impedir que eu pratique esportes?
  • Conseguirei exercer minhas atividades profissionais normalmente?

Essas são apenas algumas perguntas que você pode usar para auxiliar na sua escolha.

Considere o seu estilo de vida

O estilo de vida também pode ser essencial na hora de escolher o tamanho de prótese de silicone ideal para o seu corpo. Por exemplo, caso seja praticante de exercícios físicos de forma ativa, é preciso estar ciente dos impactos que pode sofrer em sua rotina após a cirurgia. Mesmo que esse tipo de procedimento não impeça a realização de exercícios, seios muito volumosos podem atrapalhar na execução de práticas mais intensas.

Saiba que não basta escolher o tamanho adequado

Além de escolher o tamanho certo, é preciso pensar também no formato da prótese para que o efeito visual seja belo, harmonioso e natural. Veja a seguir quais são os principais formatos de próteses de silicone.

  • Baixo: essas próteses são mais baixas e mais largas. Por conta disso são indicadas para quem quer menos projeção para a frente e maior projeção do colo mamário.
  • alto: esse tipo de prótese é mais alto e apresenta uma base menor. Sendo assim, ele é indicado para que busca maior projeção para frente e não necessita de muito preenchimento do colo mamário.
  • anatômico: esse formato lembra uma gota e é indicado para quem quer aumentar as mamas proporcionalmente.

Além disso, outras questões que devem fazer parte desse processo de escolha são: localização da cicatriz (na aréola, axila ou abaixo dos seios), marca fabricante da prótese, tipo de colocação da prótese (acima ou abaixo do músculo), se será lisa ou texturizada, entre outros critérios que devem ser bem avaliados em conjunto com o profissional escolhido.

Com tantos fatores a serem avaliados, saber como escolher prótese de silicone pode parecer um tanto desafiador. Por esse motivo, é importante contar com o auxílio de um profissional, que vai ajudar a decidir pela melhor opção, respeitando suas condições físicas, estilo de vida e expectativas, buscando sempre o melhor resultado possível.

E então, depois de ler este artigo, vai ficar mais fácil escolher o tamanho da sua prótese de silicone? Aproveite para compartilhar o assunto em suas redes sociais e ajude seus contatos a entender um pouco mais e a fazer as melhores escolhas!

Posts relacionados

Deixe um comentário