Coronavírus: como redobrar os cuidados pós-operatórios?

4 minutos para ler

A realização de procedimentos estéticos requer um período de recuperação, quando os pacientes ficam com o sistema imunológico mais comprometido, reduzindo a capacidade de combater infecções. Por esse motivo, é importante redobrar os cuidados pós-operatórios durante a pandemia provocada pelo coronavírus.

Isso porque, caso o paciente pós-operado contraia o vírus, corre o risco de ter várias complicações, tanto em relação aos resultados da cirurgia quanto ao agravamento dos sintomas provocados pela doença.

Para evitar que esse problema ocorra, elaboramos este conteúdo para mostrar os principais cuidados que precisam ser tomados durante o pós-operatório em tempo de pandemia. Confira!

Não receba visitas

É indispensável tomar todos os cuidados durante o isolamento social, permanecendo em casa em quarentena após a cirurgia por, no mínimo, 14 dias. Além disso, não receber visitas é fundamental, devendo o convívio ficar restrito apenas aos moradores da mesma casa e, mesmo assim, com os cuidados orientadas pelas autoridades de saúde.

Caso seja impossível evitar visitas, é muito importante que todos os visitantes usem máscaras e luvas, além de manterem a distância de, ao menos, um metro.

Não saia de casa e evite aglomerações

Evite aglomerações ou exposição social, mas, caso seja preciso, não se esqueça de usar máscara facial e luvas, minimizando os riscos de contágio. Tenha sempre em mente que, nesse período, você pode estar com a imunidade mais baixa do que o normal.

Aumente a frequência de lavagem das mãos

Lave as mãos com água e sabão diversas vezes ao dia. Caso seja necessário tocar no local da cirurgia, é indispensável fazer a higienização das mãos com álcool 70%. Outra dica é sempre manter a residência bem ventilada e arejada.

Tente aumentar a imunidade

Para manter a imunidade alta, é preciso que você se alimente bem, com uma dieta saudável e rica em carnes, legumes, ovos, frutas, verduras, entre outros. Além disso, beba bastante água e tome as vitaminas caso o médico as tenha indicado.

Mantenha unhas cortadas

Manter as unhas cortadas também é indicado durante esse período. Afinal, cortá-las vai evitar que secreções e mucos possam se infiltrar embaixo delas. Dessa forma, você evita que a mão leve bactérias para o local da cirurgia.

Faça consultas pós-operatórias online, quando possível

As consultas pós-operatórias precisam ser feitas em um ambiente seguro. Para evitar visitas, opte por realizá-las por meios online, como WhatsApp, chamadas de vídeo, Skype e demais. Caso essa opção não seja possível, veja a disponibilidade do médico em realizar as consultas em casa.

Postergue a fisioterapia

A fisioterapia pós-operatória é um procedimento importante, mas, para evitar o risco de contrair a infecção pelo coronavírus, é possível que ela seja postergada, mesmo sua realização sendo positiva para a reduzir edemas, evitar a fibrose e auxiliar na cicatrização.

Apesar dos seus benefícios, as consequências originárias de uma infecção são bem maiores. Ao ter esse tipo de atendimento, as chances de contágio são bem maiores, já que o profissional terá contato com muitos pacientes.

Siga as recomendações das autoridades de saúde

Seguir à risca as orientações das autoridades de saúde também é fundamental para reduzir as chances de contágio. Então, esteja atento às principais informações, considerando que elas podem se atualizar e mudar conforme o cenário da pandemia.

Agora que você já sabe quais são os principais cuidados pós-operatórios em tempos da pandemia causada pelo coronavírus, é necessário que você peça a colaboração de todas as pessoas que moram na mesma casa em relação a esses cuidados, e garantir um processo de cicatrização tranquilo e resultados positivos e seguros.

Gostou deste conteúdo? Então, aproveite sua visita para ler “Lipoaspiração: 7 cuidados essenciais no pós-operatório” e entenda mais sobre o assunto!

Posts relacionados

Deixe um comentário