Prótese de glúteos

Prótese de glúteos

A gluteoplastia de aumento é uma das mais modernas cirurgias plásticas, a qual permite corrigir assimetrias, aumentar o tamanho e volume, corrigir a flacidez e melhorar a forma, os contornos e a projeção dos glúteos.

Atualmente, a gluteoplastia com implantes de silicone tem sido a preferência pela  sua previsibilidade dos resultados, uma vez que a gordura muitas vezes é absorvida mais do que se desejaria, podendo frustrar o resultado desejado pelo paciente.

A vida útil do implante de glúteo é eterna, ou seja, uma vez posta, a protese de silicone dos gluteos não precisará ser trocada. É claro que o paciente deverá seguir todas as instruções do pós-operatório da gluteoplastia para que nada aconteça com os implantes de silicone, principalmente, para sua boa manutenção.

  • cirurgia plástica que transforma completamente a forma e contorno dos glúteos;
  • cirurgia plástica realizada em centro cirúrgico, garantindo totalmente a segurança do procedimento;
  • totalmente eficaz para glúteos atrofiados, flácidos, pequenos e sem volume, assimétricos, sem projeção ou com pequenos defeitos;
  • impressionantes resultados;
  • resultados imediatos;
  • não promove dor importante no pós-operatório.

Todos os dados relativos à sua saúde serão questionados, incluindo doenças prévias ou em tratamento, uso de medicamentos, tabagismo, alergias medicamentosas, alimentares ou diversas, cirurgias prévias.

Serão solicitados alguns exames de rotina e também uma avaliação clínico-cardiológica (risco cirúrgico).

RECOMENDAÇÕES PRÉ CIRURGICAS

  • não usar, 2 semanas antes, medicamentos à base de AAS, anticoagulantes, corticóides de uso prolongado ou medicamentos para emagrecer;
  • Abstinência do fumo por 30 dias antes da operação;
  • Jejum de 8 horas antes da cirurgia;
  • comunicar ao seu médico qualquer anormalidade
  • tomar banho completo e chegar a clínica 1 hora antes da cirurgia com acompanhante.

A gluteoplastia é realizada com o paciente sedado e anestesiado. Não há necessidade de se realizar a anestesia geral para este procedimento, tendo em vista que será somente a colocação de próteses de silicone nos glúteos ou o enxerto de gordura, a manobra realizada, não expondo o paciente a altos riscos.

Faz-se, então, uma discreta e baixa incisão entre os glúteos (zona interglútea), que fica imperceptível no pós-operatório.

Em seguida, é realizado a chamada dissecção, ou seja, ele cria um espaço no meio do músculo glúteo, para que se possa introduzir os implantes de silicone.

O resultado é praticamente imediato e a cicatrização ocorre de modo rápido. Os cuidados de pós-operatório, quando comparados com os implantes mamários, devem ser maiores.

A cirurgia plastica de gluteos tem seu tempo estimado em uma hora e meia.

Os pacientes que realizam a cirurgia plástica de glúteos tem alta hospitalar no mesmo dia do procedimento. Apesar de que não há dor importante na recuperação, o paciente deverá lembrar sempre dos cuidados do pós-operatório que deverão ser observados para que nada interfira no resultado final da gluteoplastia.

As pacientes que se submetem à gluteoplastia têm como restrição maior o fato ser necessário evitar sentar no primeiro mês após a cirurgia. Além desse cuidado, no primeiro mês não se pode realizar esforços físicos, como academia, e não se deve usar salto alto. Dirigir deve esperar para depois do trigésimo dia, quando já se pode sentar, dormir de lado, fazer exercícios físicos leves e usar salto alto. Após dois meses da cirurgia pode-se realizar qualquer esforço físico, inclusive exercícios aeróbicos como corrida, ou academia com peso.

Utiliza-se uma malha compressiva depois da cirurgia plástica de gluteoplastia e por um período total de dois meses.

Os pontos e a cola são removidos entre a segunda e terceira semana, devido a uma cicatrização um pouco mais lenta, característica da região sacral.

Entretanto, cumpre lembrar que, uma vez realizada a cirurgia de glúteos com prótese de silicone, a paciente não mais poderá fazer uso de medicamentos injetáveis nos glúteos, pelo alto risco de perfuração dos implantes de silicone.

Por ficar localizada na porção inferior lombar, num lugar estratégico entre os gluteos, a pequena cicatriz que resulta da gluteoplastia tem ótima aceitação por parte dos pacientes. Além disso, tem boa evolução durante a recuperação, ficando quase que imperceptível.

Resultados definitivos somente devem ser considerados após 12 meses da cirurgia. As cirurgias de retoques (revisão), quando necessárias, serão aconselhadas pelo cirurgião, devendo-se respeitar o tempo necessário para a adequação dos tecidos e acomodação das cicatrizes. Os retoques não significam incapacidade técnica mas sim uma revisão cirúrgica para se alcançar resultados ainda melhores. Os custos destes possíveis retoques serão cobrados somente em relação às despesas hospitalares e de anestesista. Não serão cobrados honorários da equipe cirúrgica desde que estes retoques sejam realizados no período de 12 meses, quando sugerido pelo cirurgião.

O código de normas e condutas do cirurgião plástico da Sociedade Brasileira de Cirurgia Plástica proíbe a exibição de fotos de pré e pós-operatório, mesmo que haja autorização do paciente. Proíbe ainda o uso de fotos de partes do corpo. A divulgação de preços e condições de pagamento em  meios de comunicação, como jornal e TV é vedada.