Qual a importância dos exames pré-operatórios?

Qual a importância dos exames pré-operatórios?

Quando o paciente decide realizar uma cirurgia é importante que ele tome alguns cuidados antes, durante e após a operação.  É necessário agendar uma avaliação com o seu médico de confiança e fazer todos os exames solicitados, como por exemplo,  exames laboratoriais e  clínicos como eletrocardiograma, eletroencefalograma, dosagem de açúcar no sangue, hemograma completo, ureia, coagulação, etc.

Mas qual a finalidade desses esses exames? Eles têm a finalidade de identificar os principais fatores de riscos cirúrgicos. O médico deve levantar o histórico do paciente para descobrir se a pessoa tem algum tipo de alergia,  se sofre de insuficiência cardíaca ou se já passou por outra cirurgia.

Confira os principais exames:

Hemograma: pode comprovar a presença de anemia, inflamações, leucemia, infecções viróticas e bacterianas.

Eritrograma (avaliação e contagem de glóbulos vermelhos) e o leucograma (avaliação e contagem de glóbulos brancos),  além de uma avaliação de plaquetas.

Urina Tipo I: diagnostica infecções urinárias, sendo dividido em três aspectos: avaliações físicas, químicas e microscópicas da urina.  É importante colher a primeira urina do dia para a realização deste exame.

Glicemia: teste útil no diagnóstico de hipoglicemias e hiperglicemias. É importante fazê-lo em jejum de, pelo menos, 12 horas.

Colesterol: realizado para avaliar o risco de doença coronariana, em que níveis elevados podem estar associados aos processos ateroscleróticos.

Coagulograma: identifica a possibilidade de coagulação do sangue ou a presença de algum distúrbio.

Eletrocardiograma: é rápido e indolor e pode detectar problemas no coração, que podem causar algum tipo de transtorno durante a operação.

Raios-X de tórax e espirometria: em pacientes fumantes ou asmáticos a função pulmonar deve ser avaliada para evitar problemas durante a cirurgia.

Ureia e creatinina: avalia se as funções renais estão perfeitas. É indicado para pessoas que vão se submeter à lipoaspiração, pois é importante verificar o funcionamento dos rins antes da cirurgia. Eles precisam trabalhar e apresentar boas condições para eliminar toda a substância injetada no final da operação.

Quando os exames apresentam alguma alteração, o médico deve tratá-la para que o paciente não corra riscos desnecessários durante a cirurgia.

Cuidados essenciais antes da cirurgia: Toda intervenção cirúrgica exige jejum de oito a 10 horas, independente da anestesia escolhida. Aos fumantes recomenda-se a suspensão do cigarro uma semana antes do procedimento,  já que a nicotina interfere na coagulação sanguínea. Evitar o uso de bebidas alcoólicas e comidas pesadas à véspera da cirurgia.  Se tiver gripe ou infecção avise ao seu médico até dois dias antes,  sendo que a cirurgia poderá ser adiada.

• Não consuma qualquer medicamento para emagrecer, inclusive, diuréticos, ou outros remédios à base de ácido acetil-salicílico (AAS, Aspirina, Melhoral, Bufferin)  ou contendo ervas (Arnica, Ginko Biloba) com efeito anticoagulante, pelo menos 15 dias antes da cirurgia.

• Evite ainda o uso de anti-inflamatórios, sendo que Novalgina e Tylenol podem ser usados em situação de dor.

• Não tome anticoncepcional oral ou injetável, trinta dias antes da cirurgia.

• Evite exposição solar.

• Faça drenagem linfática para eliminar impurezas.

 

Estamos à disposição para tirar suas dúvidas! Envie suas dúvidas ou então ligue para 31 9 88114488.

Adicione um comentário

*POR FAVOR, PREENCHA OS CAMPOS CORRETAMENTE.